nome blog
Mostrando postagens com marcador cores. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador cores. Mostrar todas as postagens

Quarto cinza minimalista

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Genteee, agora tô numa vibe de cor cinza que só vendo!
Logo logo terei meu quarto só pra mim, e já estou organizando muitas ideias na cabeça.
O cinza é lindo, combina com quase todas (ou todas) as cores. Gosto dele em quase todos os tons, mas o prefiro em tons pasteis.
Meu quarto é pequeno, tipo um box hahaha (é um mini cubo). Por esse motivo, a única prioridade que tenho é usar cores claras que me deem sensação de amplitude.




O primeiro passo é escolher o tom do cinza. Temos uma gama bem recheada no mercado.



Opte por uma tinta de qualidade que não necessite de mais que duas demãos, assim conseguiremos enxugar bastante no orçamento.
As janelas e portas devem trazer harmonia pro ambiente, portanto pinte-as com uma tinta suave e que não enjoa fácil.



A decoração é a parte mais empolgante. Dá pra brincar com as cores já que o cinza é um garotinho decente e comportado.
Gosto da decoração bem calma, como na foto abaixo, mas isso vai depender da sua personalidade...

Faça você: Separador de livros p/ a sua estante!

segunda-feira, 27 de abril de 2015

Incentivar as crianças a ler nunca foi tão divertido!

Vamos precisar de:

  • Papel cartão, ou sulfite A4 colorido
  • Tesoura

Como fazer?

  • Faça o download das imagens (no fim da postagem). Imprima e recorte. Caso utilize sulfite A4, reforçe-a com duas folhas, pois ela é fina e ficará super flexível ;)





(Créditos: Blog da HP.)

Anexos:


Preto no lavabo, pode?

sábado, 1 de novembro de 2014



      Como sabemos, pra muitos(as) a cor preta no banheiro, não soa tão bem! É uma cor que aparece fácil fácil, qualquer manchinha em tons claros, como as de sabonetes, cremes dentais, condicionadores, shampoos, hidratantes...
       Não que seja essas tais manchas sejam irreversíveis, mas podem até se tornar!
       Quando terminamos o banho, o box está todo molhado de água + os produtos que usamos durante o mesmo. Devemos limpá-lo imediatamente (ainda mais, se for de vidro), pois se deixamos pra limpar somente quando o banheiro for limpo, àquelas manchinhas não sairão mais (nem com limpa limo, pois já fiz o teste).
       O mesmo serve para as bacias sanitárias, cubas, azulejos/ pastilhas, torneiras, alguns espelhos...
       Mas num lavabo, não tem como acontecer isso Eli!
     Infelizmente, tem! Na cuba: por causa do creme dental, e nos demais na hora da higienização do lavabo. Mas nada que uma boa cautela não proteja.
       Apesar disso o risco é muito menor.
       Num lavabo eu ainda posso escolher revesti-lo de papel de parede, pois existe uma variedade enorme no mercado.
       Deixo aqui algumas fotos pra vocês!


















      O que prevalece são as louças sanitárias em tons claros! Afinal, super casam preto+branco.
       Outra sugestão é utilizar a laca, como base para a cuba. Mas deve ser tratada como as louças.
       Não quero te assustar, certo?! É só higienizar direitinho após o uso, que não acumulará marcas permanentes! Boa sorte :) 

Cores vibrantes na sala de jantar!

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

     Há para todos os gostos: clássica, moderna e retro.
   Particularmente, gosto das três alternativas, apesar de tão "distante" um estilo ao outro.






   Acima, vejo salas contemporâneas. Quando digo "isso" é que podemos observar, que temo moveis totalmente retros mas também temos um refrigerador completamente moderno (como o refrigerador da segunda foto).
   Temos a coleção Eames, mas também um sofá moderno, e tijolinhos à antiga (o que eu amo) na parede.
   Lustres restaurados, piso e moveis de madeira, tijolinho à vista revestido, cristaleira, variados tipos de cadeiras em um só espaço, cores e estampas fortes (o que marcou parte  da antiguidade), pequenos e grandes quadros.
   Hoje, já não é tão simples encontrar um móvel antigo em  boa condição pra uso, mas existem os antiquários e ainda pequenas lojas (na maioria das vezes são pequenas) que restauram e vendem esses moveis. Acabam tendo o preço um pouco fora do padrão, mas afinal, deu um gasto e tanto pra poder ficar cheio de graça.
    Ser contemporânea afinal, é nunca perder a graça. Sempre usável e com tudo, mesmo passando-se anos e anos.





   Essa opção é a que considero mais fofa.
   Me lembra casinha de boneca, objetos do mesmo genero mas de modelos diferentes (como as cadeiras), ousadia nas cores, nos materiais utilizados. O que prevalece - quase sempre - é a madeira, e vocês sabem que eu me apego, apesar dos pesares que a madeira possui - pois deve ser muito bem tratada - 
   A cristaleira é bastante comum entre as imagens, pois foi muito útil na época. Eu ainda vejo toda a serventia (até mesmo só pra decorar) que ela possui. Hoje é usada em "barzinho" instalado em casa ou mesmo como relíquia. Pequenos detalhes que fazem diferença, por exemplo, madeira esfolada, fios à mostra (mas nunca desencapados), prateleiras na parede, o aço oxidando, vidros coloridos... 




   "Super amei" essa ultima sala, apesar de moderna consegue ser simples, com cores neutras. O que chamou a atenção mesmo foi o quadro da parede secundaria. 
   Quando digo moderna, pessoas pensam em eletrodomésticos digitais, tecnologia... Mas em muito casos não vemos isso e conseguimos um ambiente moderno. Por exemplo, com quadros, alguns moveis em destaque (consiste no material do mesmo e sua qualidade). 
Lembre-se: Qualidade nem sempre é preço alto. 

Encontrei uma solução para a falta de espaço: bancada na cozinha

terça-feira, 8 de julho de 2014

Você já quis circular na cozinha, sem ter que desviar da mesa ou trombar nas cadeiras?

      Mais uma vez... A bancada eu encontro em cozinhas estreitas e super compactas. Parece padrão! A maioria das pessoas (não são todas) que planejam/ projetam ainda, pensam "fechado" em relação a isso. Pensam na estética e conforto de um modo pequeno!
      Por outro lado, temos alguns profissionais extraordinários no mercado, que tentam, testam, mudam, renovam, criam, refazem... Esses são meus :)
      Existem algumas possibilidades de variados materiais para a confecção da bancada: mdf, laca, aço, inox, madeira...
      O modelo é à sua escolha, e existem inúmeros...





      O posicionamento da bancada deve ser o mais próximo da área onde você cozinha. Imagine comigo: um trajeto pela cozinha toda até chegar a bancada/ sala de jantar pra servir a refeição? Não é nada funcional, e causa um certo desconforto!
      





      Pode também, ser voltada à parede, versão essa, que eu não gosto. Penso que não é legal comer  acompanhada(o) olhando p/