segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018
Duma agressão sem cabimento, isso de querer fazer caber dentro da gente, o que não acaba. Os sentimentos não sentidos são tão valiosos quanto se não existissem.

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
INÍCIO | PRA TI SOU ELI | CUBO URBANO? | EU, VITIMISMO | ARQUITETURA | POESIAS | CONTATO


Desenvolvido por Michelly Melo
Ilustração por Gabriela Sakata
CUBO URBANO 2014 - 2018