nome blog

Cores vibrantes na sala de jantar!

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

     Há para todos os gostos: clássica, moderna e retro.
   Particularmente, gosto das três alternativas, apesar de tão "distante" um estilo ao outro.






   Acima, vejo salas contemporâneas. Quando digo "isso" é que podemos observar, que temo moveis totalmente retros mas também temos um refrigerador completamente moderno (como o refrigerador da segunda foto).
   Temos a coleção Eames, mas também um sofá moderno, e tijolinhos à antiga (o que eu amo) na parede.
   Lustres restaurados, piso e moveis de madeira, tijolinho à vista revestido, cristaleira, variados tipos de cadeiras em um só espaço, cores e estampas fortes (o que marcou parte  da antiguidade), pequenos e grandes quadros.
   Hoje, já não é tão simples encontrar um móvel antigo em  boa condição pra uso, mas existem os antiquários e ainda pequenas lojas (na maioria das vezes são pequenas) que restauram e vendem esses moveis. Acabam tendo o preço um pouco fora do padrão, mas afinal, deu um gasto e tanto pra poder ficar cheio de graça.
    Ser contemporânea afinal, é nunca perder a graça. Sempre usável e com tudo, mesmo passando-se anos e anos.





   Essa opção é a que considero mais fofa.
   Me lembra casinha de boneca, objetos do mesmo genero mas de modelos diferentes (como as cadeiras), ousadia nas cores, nos materiais utilizados. O que prevalece - quase sempre - é a madeira, e vocês sabem que eu me apego, apesar dos pesares que a madeira possui - pois deve ser muito bem tratada - 
   A cristaleira é bastante comum entre as imagens, pois foi muito útil na época. Eu ainda vejo toda a serventia (até mesmo só pra decorar) que ela possui. Hoje é usada em "barzinho" instalado em casa ou mesmo como relíquia. Pequenos detalhes que fazem diferença, por exemplo, madeira esfolada, fios à mostra (mas nunca desencapados), prateleiras na parede, o aço oxidando, vidros coloridos... 




   "Super amei" essa ultima sala, apesar de moderna consegue ser simples, com cores neutras. O que chamou a atenção mesmo foi o quadro da parede secundaria. 
   Quando digo moderna, pessoas pensam em eletrodomésticos digitais, tecnologia... Mas em muito casos não vemos isso e conseguimos um ambiente moderno. Por exemplo, com quadros, alguns moveis em destaque (consiste no material do mesmo e sua qualidade). 
Lembre-se: Qualidade nem sempre é preço alto.